Com o início da primavera e a elevação das temperaturas, aumenta o risco de acidentes com animais peçonhentos, como serpentes, escorpiões e aranhas. Eles podem ser encontrados com mais frequência em locais com acúmulo de entulhos, buracos e frestas.

Por conta disso, órgãos de vigilância em saúde alertam para as medidas de prevenção que ajudam a evitar acidentes. Algumas dicas importantes são:

  • Manter o quintal, jardim e celeiros sempre limpos;
  • Não acumular lixo e entulhos, principalmente ao redor da residência;
  • Vedar frestas e buracos em paredes, assoalhos, forros e rodapés;
  • Evitar plantar trepadeiras e bananeiras nas proximidades da residência;
  • Ao realizar atividades rurais, de jardinagem e limpeza de paiol ou celeiros, utilizar sempre roupas de manga longa, luvas de raspa de couro e botas de cano alto;
  • Inspecionar roupas e calçados antes de usar;
  • Em caso de acampamentos, inspecionar bem o local e evitar vegetações densas.

E se o acidente acontecer?

Em caso de acidentes com animais peçonhentos, é importante que a pessoa adote ações que auxiliam a minimizar o agravo do quadro clínico. As principais orientações são:

  • Lavar o local com água e sabão;
  • Não colocar nenhuma substância em cima do local;
  • Procurar atendimento médico o mais rápido possível;
  • Se possível, levar o animal junto para identificação;
  • Beber bastante água.

O diagnóstico é realizado com base na identificação do animal causador do acidente. O tratamento é sintomático e com soro antiveneno.

Quer receber as notícias no WhatsApp?