“Maníaco da Moto”, estudante de direito é preso por nove crimes sexuais em Joinville

Foto: PCSC/Divulgação

Por: Claudio Costa

28/04/2024 - 17:04 - Atualizada em: 28/04/2024 - 17:38

Um jovem, de 23 anos, foi preso suspeito de cometer crimes sexuais em Joinville. O cumprimento do mandado de prisão preventiva ocorreu no sábado (27). Ele é investigado por pelo menos nove crimes pela DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso).

Ele é estudante de direito teria cometido os crimes de estupro, importunação sexual e estupro de vulnerável. As investigações tiveram início no mês de março, quando uma menor, de 13 anos, foi abordada nas proximidades do bairro Bom Retiro, por um homem em uma moto vermelha.

Após pedir informação, tentou agarrar a adolescente, que conseguiu fugir e buscar ajuda. O vídeo da câmera de segurança foi divulgado nas redes sociais causando temor social e o homem foi apelidado de “maníaco da moto”.

Um dia após essa tentativa de estupro de vulnerável, o homem com as mesmas características, tentou fazer mais uma vítima, desta vez no bairro Bucarein. Com o mesmo modus operandi, após pedir informação para a vítima, de 16 anos, o homem tentou agarrá-la com o pênis para fora da calça. Mesmo a jovem fugindo, o homem continuou a perseguí-la e só parou quando outra mulher ajudou a adolescente.

No mês de abril, uma mulher, de 20 anos, estava retornando para casa na região central de Joinville, quando foi obrigada pelo investigado a praticar atos libidinosos, mediante a ameaça de uma arma de fogo apontada para sua cabeça.

Dois dias após, em uma das principais ruas da região central de Joinville, uma adolescente, de 15 anos, estava indo para aula. Ao dar informações, foi importunada sexualmente pelo jovem, que tentou agarrá-la e passou a mão em suas partes íntimas.

Após amplo trabalho de investigação da DPCAMI de Joinville, o suspeito foi identificado. Mandados de prisão preventiva e busca e apreensão foram expedidos contra o estudante de direito. Ele foi capturado com a moto, com uma arma falsa e as roupas utilizadas nos crimes.

Além dos quatro crimes sexuais narrados, o homem ainda é investigado por mais cinco crimes, em um total de nove vítimas diferentes. O homem foi preso no Bairro Floresta e levado para o presídio Regional de Joinville.

Notícias no celular

Whatsapp

Claudio Costa

Jornalista pós-graduado em investigação criminal e psicologia forense e pós-graduando em perícia criminal.