Uma mãe esfaqueou e jogou o corpo da própria filha, de três anos, em um rio em Macaé, no Rio de Janeiro, no domingo (28).

A menina Manuella Minuto Aguiar foi esfaqueada pela mãe, de 25 anos, e teve seu corpo jogado em um rio. Segundo o Instituto Médico Legal (IML), ela morreu afogada, portanto, foi jogada no rio ainda viva.

O delegado Victor de Azevedo, da 128ª Delagacia de Polícia de Rio das Ostras, informou que o avô da criança relatou ter ido até a casa da filha por volta das 7h30, mas não a encontrou.

Voltando para casa, ele encontrou a filha de bicicleta, sem a neta. Ao perguntar onde estaria a menina, ela respondeu que a criança estaria no céu e que teria jogado seu corpo no Rio Macaé.

Ele foi até o rio e acionou o Corpo de Bombeiros. Eles encontraram o corpo da menina Manuella na Praia do Barreto, e em seguida foi reconhecido pelo avô.

A mãe foi presa pela polícia na tarde de domingo (28).

O avô contou que nos últimos dias a jovem tinha apresentado alguns surtos psicóticos.

Com informações do G1.