A Polícia Civil de Santa Catarina capturou um foragido do sistema prisional do estado do Amazonas em ação realizada no bairro Ponte do Imaruim, em Palhoça, nesta quarta-feira (22).

As investigações apontam que o investigado exerce liderança de organização criminosa radicada no estado do Rio de Janeiro e que é suspeito da prática de homicídios, atentados contra órgãos de segurança e tráfico de drogas na cidade de Manaus, no Amazonas.

As investigações apontam que o investigado exerce liderança de organização criminosa radicada no estado do Rio de Janeiro e que é suspeito da prática de homicídios, atentados contra órgãos de segurança e tráfico de drogas na cidade de Manaus, no Amazonas.

Os policiais apreenderam com o investigado uma arma de fogo do tipo pistola calibre .380, com numeração suprimida, e dezenas de munições do mesmo calibre.

No momento da prisão, o fugitivo informou nome falso e apresentou um documento de CNH com dados diversos do dele. Após a identificação da fraude pelos investigadores, o homem confessou ter feito o documento utilizando certidão de nascimento falsa com intuito de evitar seu reconhecimento.

O homem teria fugido do sistema prisional de Manaus em maio de 2018, junto com mais 34 detentos. Ele tem mandado de prisão ativo pela prática de triplo homicídio e é também suspeito de ter cometido aproximadamente 15 homicídios na cidade de Manaus.

O preso foi autuado em flagrante delito na Central de Flagrantes de Palhoça e encaminhado ao sistema prisional catarinense. Após a prisão, as autoridades amazonenses foram contatadas pela DIC e seguem nas investigações com objetivos de apurar os crimes praticados.

A ação foi realizada pela Divisão de Investigação Criminal de Palhoça, participou de uma ação coordenada com o 16º Batalhão da Polícia Militar de Santa Catarina.