A Polícia Civil capturou nesta quinta-feira (4) um homem apontado como liderança de uma facção criminosa e suspeito de ordenar homicídios na Grande Florianópolis. A prisão ocorreu após cumprimento de um mandado de busca e apreensão, em São José, em ação da Divisão de Investigação Criminal (DIC).

O homem é considerado de alta periculosidade, faccionado, e suspeito de ser representante do comando de uma organização criminosa que atua em Santa Catarina. O preso possui cinco mandados de prisão. Os crimes são de homicídios e organização criminosa. Ele estava sendo investigado e procurado pela Polícia Civil.

A investigação da DIC começou em abril de 2020, ocasião em que a DIC elucidou um duplo homicídio ocorrido em São José - as vítimas foram três homens que estavam no bairro Caminho Novo, em Palhoça.

Na época, eles foram confundidos com integrantes de uma facção criminosa rival e levados até São José para serem executados. Dois deles morreram vítimas de vários disparos de arma de fogo e um terceiro também foi vítima dos disparos, porém, se fingiu de morto e sobreviveu.

O inquérito policial foi finalizado e encaminhado ao Judiciário, apontando a autoria e materialidades dos crimes investigados, ficando evidenciado o executor, que já havia sido preso pela DIC e o mandante, ou seja, o preso desta quinta-feira que até então estava foragido.

A captura dele havia sido dificultada pelo fato das constantes mudanças de locais onde se escondia e pela sua atual aparência física, diferente da época em que cometeu os crimes.