Um jovem de 20 anos morreu em Florianópolis (SC) depois apertar um interruptor em casa para acender uma lâmpada.

Gabriel Vieira da Silva era natural do município de Nossa Senhora da Glória, no Sertão de Sergipe, mas estavam em SC desde de dezembro a trabalho.

O incidente foi registrado no último sábado (5) e o corpo do jovem ainda está no Instituto Médico Legal (IML) da capital catarinense. A família ainda está realizando os trâmites burocráticos para liberação.

Conforme informado pela tia do rapaz, Lielma Vieira, ele estava com passagem comprada para voltar para Sergipe no próximo dia 4 de março.

“Ele foi para o Sul trabalhar. Estava vendendo queijo na praia. Passaria três meses lá, mas tudo terminou dessa forma trágica”, lamentou a tia.

A tia ainda informou que quando Gabriel levou o choque, ele estava lavando pratos e depois foi acender a lâmpada.

“Ele chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu. A gente soube que no interruptor tinha fios desencapados e ele estava com as mãos molhadas, essa é uma combinação terrível”, detalhou Lielma.

O jovem era casado e não tinha filhos. A família conseguiu ajuda de amigos para custear o translado do corpo para Sergipe. De acordo com a tia de Gabriel, a previsão era para que o corpo chegasse na terça-feira (8) em Aracaju.

*Com informações do g1