Jaraguá do Sul está entre os 89% dos municípios catarinenses que não registraram homicídios nos dois primeiros meses de 2021. O levantamento foi feito pela SSP (Secretaria de Segurança Pública). As polícias Civil e Militar apontam que o trabalho desenvolvido nos últimos anos está refletindo no bom índice.

O delegado regional Fabiano dos Santos Silveira destaca que o número de homicídios vem caindo nos últimos anos na cidade. Um dos fatores é o alto índice de resolução de crimes, que em média é de cerca de 80% e, no ano passado, chegou a 100%.

“Isso é importante porque é uma resposta para a sociedade na parte da primeira fase da persecução criminal. Isso repercute na ação penal e posteriormente na possível condenação dos autores desses crimes. Isso faz com que a sensação de impunidade seja mitigada”, afirma o delegado regional.

Silveira também lembra que a Polícia Civil, em parceria com a Prefeitura, a Justiça, o Ministério Público de Santa Catarina e os empresários, vem investindo na melhoria do trabalho dos policiais civis. Houve diversos investimentos nos equipamentos utilizados pela DIC (Divisão de Investigação Criminal), que investiga os crimes contra a vida.

O comandante da 12ª RPM (Região de Polícia Miliar), tenente-coronel Márcio Leandro Reisdorfer, afirma que houve incremento no policiamento ostensivo e nas ações preventivas nos últimos anos, principalmente durante pandemia. Os policiais militares atuam nas fiscalizações dos decretos, mas não deixam de lado a questão criminal.

“Nós também atuamos forte com a questão da inteligência, verificando as atividades do crime organizado em Jaraguá do Sul. No início do ano, nós tivemos muitas ações voltadas ao tráfico de drogas e prisões dos integrantes dessas organizações”, explica.

Em 2020, Jaraguá do Sul registrou uma queda de 66% no número de homicídios. Ao todo, a cidade registrou dois assassinatos, contra os seis registrados em 2019 no município. No ano passado ainda foi registrada uma lesão corporal grave seguida de morte, que não é contabilizada como homicídio.