A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Joaçaba prendeu na última terça-feira (16), em Tangará, no Oeste catarinense, dois irmãos por porte ilegal de arma de fogo, munição e acessório de uso permitido e por caça de animal silvestre nativo.

Os homens, de 47 e 52 anos, foram encontrados com 13 carcaças de saracura, pomba-juriti, pomba-do-mato, pomba-rolinha e pomba-carijó - todas aves silvestres. Ademais, também portavam espingardas e um rifle de diversos calibres.

 

Policiais encontraram 13 carcaças de aves silvestres com os irmãos

 

Segundo a PMA, eles chegaram aos irmãos após receberem uma denúncia de caça predatória na localidade. Os irmãos foram liberados após pagamento de fiança.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito: 

WhatsApp  

Telegram  

Facebook Messenger