Investigação da DPCAMI de Jaraguá do Sul resulta na prisão de homem que estuprou o filho de 11 anos

Foto: PCBA/Divulgação

Por: Claudio Costa

10/04/2024 - 14:04 - Atualizada em: 10/04/2024 - 14:54

Uma investigação da DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso) de Jaraguá do Sul resultou na prisão de um homem que abusou sexualmente do filho, de 11 anos. O mandado de prisão por estupro de vulnerável contra o autor, de 56 anos, foi cumprido em Santa Cruz Cabralia, na Bahia, no final da tarde terça-feira (9).

Segundo a Polícia Civil, a criança foi estuprada quando passou alguns dias com o pai em Belo Horizonte, em Minas Gerais. Quando o menino retornou para Jaraguá do Sul, o autor passou a ameaçar a mãe, que pediu uma medida protetiva e denunciou os abusos.

Após a denúncia, o Setor de Investigações da DPCAMI começou a apurar o caso. Durante o inquérito, o homem debochou e desacatou os agentes através do aplicativo Whatsapp. Segundo a Polícia Civil, ele admitiu que manteve relações sexuais com o filho.

Após o termino das investigações, o delegado Leandro Mioto pediu a prisão preventiva do homem. O pedido foi deferido pela Justiça da Comarca de Jaraguá do Sul. Ao perceber que poderia ser preso, o autor fugiu, mas levantamentos foram feitos pelos policiais civis catarinenses com o apoio das polícias civis de Minas Gerais e da Bahia.

Durante as diligências realizadas para localizar o investigado, novas informações que indicam outras práticas delituosas foram obtidas e serão apuradas. Diversos dispositivos eletrônicos foram apreendidos com o autor e serão fundamentais para a continuação das investigações.

 

Notícias no celular

Whatsapp

Claudio Costa

Jornalista pós-graduado em investigação criminal e psicologia forense e pós-graduando em perícia criminal.