Um homem de 18 anos foi preso na manhã desta terça-feira (10), em Rio Verde, em Goiás, por pedofilia. A investigação foi iniciada em maio deste ano pela Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Jaraguá do Sul.

De acordo com a Polícia Civil, o inquérito policial teve por base uma denúncia de exposição de imagem de criança no Facebook com comentários de cunho sexual. Após inúmeras diligências realizadas pelos policiais civis do Setor de Investigação, foi descoberta a existência de um grupo de WhatsApp.

Os integrantes compartilhavam fotos e vídeos de pornografia infantil, além de materiais contendo apologia ao nazismo, racismo, xenofobia, dentre outros crimes de ódio. Com a identificação do responsável pelo grupo, foi descoberto que este residia na cidade de Rio Verde.

Através dos elementos apurados na investigação, a delegada Claudia Cristiane Gonçalves de Lima Gonzaga pediu mandado de busca e apreensão. O pedido foi aceito pela Vara Criminal da Comarca de Jaraguá do Sul e foi determinada a apreensão dos dispositivos eletrônicos na residência do suspeito.

Nesta terça, o mandado foi cumprido pela Polícia Civil do Estado de Goiás. Durante as buscas, foram encontrados no celular do suspeito, vídeos de pornografia infantil, fotografias contendo apologia ao nazismo e diversas outras imagens de caráter discriminatório, resultando na prisão em flagrante do jovem.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):