A Polícia Civil identificou um suspeito de um homicídio ocorrido em Guaramirim. A investigação do crime ocorrido no bairro Bananal do Sul avançou e um mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa do suposto autor do crime.

O delegado titular da Delegacia da Comarca de Guaramirim, Eric Uratani, destaca que o inquérito policial foi instaurado logo após o crime, no dia 1º de fevereiro deste ano. Em seguida, os policiais civis realizaram a coleta das provas e dos depoimentos de testemunhas.

 

 

“A partir disso, surgiu uma suspeita de autoria através de informações colhidas e que seria uma pessoa que residia nas proximidades da casa da vítima. Com essas informações, a gente representou ao Judiciário para a expedição de um mandado de busca e apreensão na casa desse rapaz. Assim que saiu o mandado, a gente confirmou que ele estava no local e efetuou a busca”, destaca Uratani.

Na residência, foram identificados diversos indicativos que o homem seria o autor do crime. Foram encontradas escovas de um kit de limpeza de armas curtas, o que indica que ele teria uma pistola. Além disso, foram encontradas anotações do tráfico de drogas.

“A gente recebeu a informação de que a vítima devia um determinado valor para o autor em razão do tráfico de drogas, uma dívida de drogas. Foram encontradas cadernetas com anotações que, em tese, se referem à contabilidade do tráfico”, frisa o delegado.

O telefone celular do suspeito também foi apreendido durante a busca. O aparelho foi encaminhado para a Polícia Científica para ser periciado. A partir dos dados da perícia, Uratani acredita que novas provas da autoria do crime sejam obtidas.

Execução

Ruan Carlos da Silva Schultz, de 32 anos, foi morto a tiros em uma residência na Estrada Bananal do Sul. Durante a madrugada, um homem arrombou a porta e surpreendeu a vítima na sala da casa. O atirador disparou 18 vezes contra Ruan e, em seguida, fugiu de bicicleta.

A vítima tinha cerca de 20 passagens policiais por furto, tráfico de drogas, resistência, associação criminosa, porte ilegal de munição, dirigir sob o efeito de álcool ou droga, dirigir gerando perigo e dano, corrupção de menores e perturbação. A mãe de Ruan foi morta em uma chacina em Araquari no ano de 2019.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre segurança pública da região (acidentes de trânsito, ações policiais):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança