A Polícia Civil de Criciúma já instaurou o inquérito policial para averiguar as causas do acidente que resultou na morte de duas pessoas no último domingo, dia 17, na Via Rápida.

As investigações estão sendo coordenadas pelo delegado titular da 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP), Fernando Possamai.

A autoridade policial deverá colher os depoimentos dos ocupantes do Volkswagem Gol e demais testemunhas nos próximos dias.

"Ainda não podemos afirmar de quem foi a responsabilidade da causa do acidente. Solicitei para o Instituto Geral de Perícia (IGP) alguns laudos e estamos construindo o inquérito”, afirmou Possamai.

Colisão traseira

Segundo informou a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) de Içara, que atendeu a ocorrência, o acidente ocorreu depois de o Gol apresentar problemas mecânicos.

Um casal empurrava o automóvel para retirá-lo da estrada quando a moto colidiu na traseira.

“Vamos analisar com calma. A princípio pode ter ocorrido imprudência de ambos os lados. O motociclista poderia estar em alta velocidade. O motorista do carro também pode ter desobedecido alguma regra de trânsito. O que podemos falar até o momento é de que foi uma fatalidade. Não vejo dolo de nenhuma das partes. Vamos colher os depoimentos, os laudos e concluir o inquérito, com calma, para tirar uma conclusão”, acrescentou Possamai.

Fonte: Lucas Renan Domingos/Foto: Rafaela Custódio/Engeplus