A mulher morta pelo próprio filho em Joinville, na noite de domingo (10), foi identificada como Marli Herbst Lopes, de 64 anos. O crime ocorreu no distrito de Pirabeiraba, por volta das 20h.

O homem de 31 anos afirmou que matou a mãe em razão de um desentendimento. Ele teria atirado nela e, na sequência, desferido golpes com um facão.

 

 

De acordo com a Polícia Militar, o homem é usuário de drogas.

Ele foi preso no distrito de Pirabeiraba e informou aos policiais o local em que estavam as armas utilizadas no crime.

Na residência apontada por ele, os policiais também encontraram munições e certa quantidade de entorpecentes.