A identidade da vítima de um atropelamento na tarde desta quarta-feira (22), em Jaraguá do Sul, foi confirmada. Sirlene de Souza, 41 anos, foi atingida por um caminhão baú, com placa de Criciúma, no cruzamento da da rua Procópio Gomes de Oliveira com a Rodolfo Hufenuessler, no Centro.

Por volta das 15h, o Corpo de Bombeiros Voluntários foi chamado para atender a ocorrência. Ao chegar no local, os socorristas verificaram que a vítima estava em estado crítico e pediram apoio para a equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Sirlene apresentava fraturas no quadril e na perna esquerda. Ela entrou em parada cardiorrespiratória e as equipes trabalharam para reverter o quadro. Mas a vítima não resistiu aos graves ferimentos e morreu no local do acidente.

Sirlene era separada e tinha dois filhos | Foto: Arquivo Pessoal/OCP News

O motorista contou para a equipe do OCP que chegou a ver a vítima trafegando entre os carros na rua Procópio Gomes de Oliveira. Tanto a ciclista como o caminhão seguiam no sentido bairro-Centro. Ao entrar na rua Rodolfo Hufenuessler, ele ouviu um barulho e parou o caminhão.

“Eu vinha pela rua Procópio Gomes. Quando eu entrei na rua Rodolfo Hufenuessler, ela estava no meu lado esquerdo e eu virei. Eu escutei aquele barulho atrás e parei o caminhão. Ela já estava caída chão. Eu não enxerguei nada, só ouvi o barulho e parei”, lembra o caminhoneiro de 50 anos.

A hipótese mais provável é de que a ciclista tenha sido atingida pela parte traseira do caminhão ao atravessar a faixa de pedestres. A dinâmica do acidente e os ferimentos indicam que ela já tinha começado a travessia antes da conversão do veículo. Após cair, as rodas passaram por cima dela e da bicicleta.

De acordo com a família, ela trabalhava como faxineira em um posto de combustíveis e estava voltando do trabalho no momento do acidente. Sirlene era separada e tinha uma filha de 13 anos e um filho de 17.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança