O homem de 25 anos que matou um policial militar em São Bento do Sul foi preso.

O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (27), em um bar na estrada Banhados III.

De acordo com informações obtidas pelo OCP, imagens de uma câmera de segurança apontam que o sargento Alaércio Pfeffer foi morto por volta das 2h20.

 

Após a identificação, os policiais militares realizaram diligências e localizaram o autor do crime na residência dele.

Durante o depoimento, ele confirmou que estava no bar.

Após um desentendimento, ele brigou com o sargento.

O homem desarmou o PM e fez um disparo que atingiu a cabeça da vítima.

O autor fugiu com a arma do policial militar, uma Taurus PT 100.

Ele indicou o local onde enterrou a arma, na estrada Saraiva, nas proximidades do trilho do trem.

A pistola foi localizada por uma guarnição da PM e entregue ao IGP (Instituto Geral de Perícias).

Autor tentou esconder vestígios

O Polícia Militar foi chamada apenas por volta das 4h.

O dono do bar apresentou uma versão contraditória dos fatos.

Um segundo suspeito, primo do autor, foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil.

Há a suspeita da participação de pelo menos outras duas pessoas no crime.

Eles ajudaram o autor a levar o corpo do policial militar para o interior de um Fiat Uno.

Os envolvidos também tentaram apagar os vestígios de sangue no interior do estabelecimento.

Os suspeitos fugiram em um Volkswagen Gol de cor vermelha.

Os dois homens estão sendo procurados pelas guarnições da Polícia Militar. A Polícia Civil investiga o caso.