Homem morre após ser esfaqueado em quitinete em Jaraguá do Sul

Homem morre após ser esfaqueado em quitinete em Jaraguá do Sul Homem morre após ser esfaqueado em quitinete em Jaraguá do Sul

Segurança

Por: Gabriel Junior

domingo, 09:05 - 11/02/2018

Gabriel Junior
Um homem de 48 anos morreu após ser esfaqueado em Jaraguá do Sul, no Vale do Itapocu, neste fim de semana. O crime por volta das 21h10 deste sábado (10) em uma quitinete no bairro Nova Brasília. Uma mulher foi detida suspeita de matar Paulo Cesar Rodrigues. A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar em uma lanchonete na rua Venâncio da Silva Porto. Os policiais identificaram o homem que foi vítima de esfaqueamento e conseguiram mais informações sobre o fato com populares. Os PMs foram até um endereço próximo e nos fundos de uma quitinete visualizaram várias marcas de sangue e a faca utilizada na prática do crime. Testemunhas relataram que o homem estava acompanhado de uma mulher e bebendo cerveja em uma lanchonete. Em determinado momento, houve uma discussão entre o casal. A mulher se levantou e foi na direção da quitinete. Ela foi seguida pela vítima. Após cerca de dez minutos, o homem apareceu na lanchonete andando com dificuldade e pedindo ajuda. Ele estava com sangue nas mãos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado para socorrer o homem esfaqueado, que estava com ferimentos no abdômen, incluindo exposição de vísceras (órgãos internos) e perda excessiva de sangue. A vítima foi encaminhada em estado grave ao hospital São José. Os policiais conseguiram levantar informações sobre o paradeiro da suspeita de ser a autora, que estaria indo para outro bairro. Após algumas tentativas, a PM conseguiu entrar em contato por telefone com a mulher explicando que seria melhor ela retornar para esclarecer os fatos. Quando ela retornou, foi detida e encaminhada para a delegacia para a lavratura dos procedimentos. Já o homem, não resistiu e morreu na unidade hospitalar. O corpo dele foi conduzido ao Instituto Médico Legal. Quer receber as notícias do OCP Online através do whatsApp? Basta clicar aqui    
×