Carro submerso foi retirado da água com apoio de um guincho | Foto Divulgação
Carro submerso foi retirado da água com apoio de um guincho | Foto Divulgação

Um homem de 41 anos, identificado como Alexsandro Martins, morreu depois de seu veículo Gol, com placas de Pitanga (PR), cair no rio Saí Guaçu, em Itapoá, no Litoral Norte Catarinense.

Foto Divulgação

O acidente aconteceu na estrada Cornelsen, próximo de uma ponta na divisa com Guaratuba (PR), por volta das 19h40 de sábado (16). As buscas começaram no mesmo dia, mas tiveram que ser encerradas devido ao nível do rio e a forte correnteza.

Foto Divulgação

Na manhã deste domingo, as buscas foram retomadas pelos bombeiros, com auxílio de um mergulhador de Itajaí. O carro foi localizado completamente submerso e retirado da água com apoio de um guincho. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Joinville para reconhecimento.

Foto Divulgação

Vítima era motorista de caminhão

Segundo informações, Alexsandro morava em Matinhos (PR), mas trabalhava como motorista de caminhão em Itapoá.

Em uma rede social, o filho da vítima, Dhiogo Martins, que mora em Pitanga (PR), deixou depoimento emocionante na tarde deste domingo dizendo que perdeu a última oportunidade de abraçar o pai.

"Por mais que nunca se demos bem, por mais que eu falasse que não te queria por perto, por mais que falasse que eu não te amava, hoje uma notícia que chegou até mim desmoronou minha mente. Há quatro meses que você veio aqui eu recusei seu abraço, falei que não te queria por perto e que era pra você sumir da minha vida. Eu não sabia que era a última oportunidade que eu teria de abraçar você e fazer logo de vez as pazes. No fundo eu sempre te amei, só não queria demostrar por conta de alguns acontecidos. EU TE AMO MUITO PAI, mas infelizmente não tenho mais a oportunidade de me redimir".

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?