Silvia Terezinha Marques, de 41 anos, morreu após ser baleada em Xanxerê, no Oeste, às 8h40 desta terça-feira (26). O suspeito é o ex-companheiro dela, Luiz Catarino de Castro, de 50 anos, que cometeu suicídio em seguida, conforme a Polícia Militar.

O crime ocorreu em uma empresa de reciclagem às margens da SC-480, no bairro Pinheiro. A mulher foi atingida na cabeça, no peito e em um dos braços. O homem tinha perfuração de tiro na cabeça.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado e close-up
Mulher foi baleada na cabeça, no peito e em um dos braços | Foto Reprodução

Os dois estavam separados há cerca de quatro meses e o homem não aceitava o fim do relacionamento. Segundo a família, Silvia havia sofrido ameaças do ex-companheiro anteriormente e tinha uma medida protetiva contra ele.

Ela dizia que tinha medo de Luiz, que morava próximo ao local de trabalho dela. Silvia deixa enlutados filhos, irmãos, tios, genro e neta. O corpo está sendo velado na igreja Adventista no bairro São Pedro e será sepultado na tarde de quarta-feira no cemitério municipal de Xanxerê.

Quer receber as notícias no WhatsApp?