A Polícia Civil de Joinville investiga um homem suspeito de exercer a profissão de farmacêutico sem a devida formação.

Conforme os policiais, mesmo sem registro profissional, ele estaria realizando aplicações e fornecendo medicamentos controlados para emagrecimento.

 

 

Um personal trainer que encaminhava alunos e alugava a sala de fachada, no bairro América, também será responsabilizado pela participação no crime.

A ação, que terminou com medicamentos apreendidos, também contou com participação da Vigilância Sanitária.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp