A Polícia Civil cumpriu na manhã desta sexta-feira (26) três mandados de busca e apreensão em São José e prendeu em flagrante um homem por crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes.

A ação é da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), com apoio de policiais civis da DECOR e DEFAZ, ambas da DEIC, e do Instituto Geral de Perícias (IGP).

Segundo o delegado da DRCI, Luiz Felipe Rosado, durante as buscas peritos do IGP encontraram grande conteúdo de pornografia infanto juvenil armazenados em dispositivos eletrônicos que eram transmitidos pelo autor através de aplicativos de mensagens.

Nas buscas, peritos do IGP encontraram grande conteúdo de pornografia infanto juvenil | Foto Divulgação

As investigações foram iniciadas a partir de denúncias recebidas pela Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas (DPPD), que apontaram a transmissão do conteúdo ilícito em aplicativos de relacionamentos.

Conforme o delegado Rosado, o homem foi preso em flagrante delito pelos crimes descritos nos artigos 241-A e 241–B, do Estatuto da Criança e do Adolescente, cujas penas máximas podem chegar a 10 anos de reclusão.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?