Um homem de 41 anos foi preso em Turmalina, cidade do interior de Minas Gerais, após a polícia localizar 1.045 peças íntimas - calcinhas e sutiãs - furtadas em sua residência.

 

 

Conforme a Polícia Militar, havia um mandado de prisão por furto contra o homem. No interior da residência, os policiais encontraram mil calcinhas e 45 sutiãs.

As peças eram subtraídas - principalmente - de varais da região. Muitas mulheres denunciaram o desaparecimento de suas roupas íntimas, mas outras sentiram-se constrangidas ou não se importaram devido ao valor relativamente baixo das peças.

Ainda de acordo com a PM, o homem usava uma das calcinhas furtadas no momento em que foi preso.

Com informações do UOL.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Telegram