Uma operação entra a Polícia Civil e a Polícia Militar resultou na prisão de um homem de 31 anos na tarde desta quinta-feira (2), em Schroeder. Um mandado de busca e apreensão foi cumprido por volta das 14h, na rua 15 de Outubro, no bairro Rio Hern, em Schroeder. Um arsenal com armas, munições e outros apetrechos foram recolhidos pelos policiais. Os policiais civis e militares encontraram uma grande quantidade de munições dos calibres 12 (muitas delas já deflagradas), 22 e uma bala de fuzil 762, de uso restrito. O acusado tinha carregadores, pólvora e chumbo, para reutilizar os cartuchos de calibre 12. Uma carabina calibre 12, que tinha registro vencido no nome do preso, e um revólver calibre 22, sem registro, também foram apreendidos. Segundo a Polícia Civil, o acusado argumentou que o registro do revólver estava em fase de homologação junto à Polícia Federal, mas a hipótese foi descartada pelos policiais civis porque o a arma sequer poderia ter sido retirada da loja sem o registro. Outro assessório apreendido foi um supressor, o popular silenciador, que é vedado ao uso civil. A posse ilegal de uma munição de fuzil 762 é outro agravante na apreensão. A polícia chegou até o homem através de denúncias de que o homem fazia disparos de arma de fogo em sua residência. As capsulas deflagradas só reforçam as denúncias feitas por vizinhos. O acusado pode pegar uma condenação de três a seis anos e multa. Ele será encaminhado para o Presídio Regional de Jaraguá do Sul.