Homem é preso após manter mulher e bebê em cativeiro

Foto: @rawpixel.com/Freepik

Por: Claudio Costa

18/10/2023 - 06:10 - Atualizada em: 18/10/2023 - 06:22

Um homem foi preso pela Polícia Civil após manter uma mulher, de 28 anos, e a filha dela, de um, em cativeiro.

A prisão ocorreu no domingo (15), em Duas Barras, na Região Serrana do Rio de Janeiro.

A ação contou com o apoio da Polícia Militar.

Segundo os policiais civis, a mãe comunicou o desaparecimento da filha residente em Além Paraíba, em Minas Gerais.

Ela também disse que a vítima conheceu um homem em uma rede social e foi até a cidade de Duas Barras para encontrá-lo pessoalmente.

Após perder contato com a filha por horas, ela recebeu uma mensagem informando que a mulher estaria sendo mantida em cativeiro em uma casa com sua bebê pelo autor.

A vítima relatou para a mãe que estava sendo agredida e ameaçada, mas conseguiu enviar a localização aproximada do local pelo GPS do celular.

Os policiais foram em diligência para o distrito de Monnerat, em Duas Barras, verificar a informação.

Os agentes encontraram uma casa toda fechada, o que chamou a atenção, bateram na porta e o autor atendeu.

A vítima saiu da residência correndo, chorando e com a filha no colo.

A mulher confirmou que era mantida em cárcere privado há três dias e vinha sofrendo agressões físicas e psicológicas, além de ser ameaçada de morte.

Ela também afirmou que foi obrigada a manter relações sexuais com o suspeito.

No imóvel, os policiais viram toalhas nas janelas para que ninguém visse o que estava acontecendo.

Na casa não havia fogão ou geladeira. A vítima informou que estava dormindo com sua filha em um colchão sujo no chão e que estava sem se alimentar regularmente desde que chegou no cativeiro.

O homem foi preso em flagrante pelos crimes de estupro e cárcere privado.