Um homem de 26 anos foi preso no último domingo (27) após espancar o filho de 6 anos até a morte em Caratinga, no interior de Minas Gerais.

O motivo da violência seria a dificuldade apresentada pela criança para realizar o dever de casa. O homem relatou à Polícia Militar que agrediu o menino com chineladas, socos no rosto e chutes nas costelas e nas pernas. Depois, deu uma rasteira no filho, que acabou batendo a cabeça em um móvel.

Após o impacto, o pequeno Elias Emanuel Martins Leite passou a ter convulsões, e o pai o levou até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Caratinga. A Polícia Militar foi até o local e prendeu o homem - aos policiais, ele afirmou que havia ingerido bebida alcoólica.

O menino precisou ser intubado e, devido à gravidade da situação, foi transferido para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, onde teve morte encefálica confirmada na segunda-feira (28).

De acordo com a PM, o homem já tinha passagens pela polícia, inclusive por homicídio. Elias vivia com o pai, a madrasta e uma criança de 1 ano. A mãe dele morreu afogada na Bahia em 2015.

Com informações de O Tempo