A Polícia Civil prendeu em flagrante um homem de 45 anos acusado de aliciar sexualmente a sua enteada, de 11 anos, em Santo Amaro da Imperatriz, na Grande Florianópolis.

O caso ficou público na sexta-feira (26), quando a mãe da vítima compareceu na Delegacia de Polícia após ter descoberto que a filha era ameaçada pelo companheiro a lhe enviar fotos e vídeos de cenas pornográficas, há pelo menos seis meses.

A menina também confidenciou para a mãe que era aliciada e sofria investidas, tanto virtual quanto presencialmente, para a prática de atos libidinosos.

Os policiais civis saíram em busca do suspeito e o encontraram na posse de seu celular, que contém armazenado o referido material pornográfico infantil. Ele foi indiciado pela prática do crime previsto no art. 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente.

A vítima foi acolhida pela psicóloga policial e também encaminhada para a exame pericial.

Além da autuação em flagrante na CPP de Palhoça, um inquérito policial foi instaurado a fim de apurar a suspeita de estupro de vulnerável e demais condutas criminosas.