Homem é condenado a 15 anos por atropelar e matar motociclista após discussão no trânsito em Barra Velha

Promotor de Justiça Renato Maia de Faria no Tribunal do Júri que condenou o réu a 15 anos de reclusão | Foto: MPSC/Divulgação

Por: Claudio Costa

30/09/2022 - 07:09 - Atualizada em: 30/09/2022 - 08:19

Um homem que atropelou e matou um motociclista foi condenado por homicídio qualificado por motivo fútil em Barra Velha.

O Tribunal do Júri sentenciou Maicon Ferreira a 15 anos de prisão.

O crime ocorreu em novembro de 2020, no Centro.

O réu perseguiu Wellinton Renna Muller Guzati, que pilotava uma moto, depois de um desentendimento no trânsito.

Após atropelar propositalmente e matar Wellinton, ele fugiu do local do crime sem prestar socorro.

O crime só foi completamente desvendado porque um homem seguiu o autor e fotografou o veículo.

O condenado vai cumprir a sentença em regime inicial fechado, pois a pena é de 15 anos e o juiz determinou o imediato recolhimento do réu para cumprir a prisão provisória.

A acusação ficou a cargo do promotor de Justiça Renato Maia de Faria.

“Os jurados de Barra Velha deram uma lição de cidadania e coragem ao passaram uma mensagem clara de que a violência não será tolerada. Por sua vez, a determinação de prisão imediata após a condenação exarada pelo juiz foi um ato de pleno respeito à soberania dos vereditos”, destaca o promotor.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre segurança pública:

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança