Foto: OCP Online
Foto: OCP Online
Na tarde de hoje, se apresentou na Delegacia de Polícia Civil de Guaramirim, Dhyon Lenon Stavicki. Ele era o principal suspeito de ter matado no último domingo (13) em Schroeder, a jovem Divana Peres, de 24 anos. Dhyon se apresentou na companhia de dois advogados da cidade de Joinville, por volta das 14 horas. Em depoimento ao delegado responsável pelo caso, Daniel Dias, ele confessou o crime e relatou que houve uma discussão na casa. Para evitar que os pais da jovem, que moram ao lado da casa onde o crime ocorreu, ouvissem o barulho da discussão, e para cessar uma suposta agressão que ela estaria causando nele, que se apresentou com lesões na delegacia, ele teria a segurado pelo pescoço e depois fugido sem perceber que tinha a matado, o que, segundo ele, não era sua intenção. Como no momento que ele se apresentou ainda não havia sido expedido um mandado de prisão, o homem saiu correndo, protegendo o rosto das lentes dos fotógrafos que estavam no local, e foi até o carro do advogado saindo do local de carona. Cerca de 10 minutos depois, o fórum confirmou a existência do mandado e o delegado fez contato com o advogado do homem que se comprometeu a apresentar o mesmo nas próximas horas.