Fotos: Polícia Militar Ambiental prende duas pessoas em operação contra a caça ilegal em Itapoá

Foto: PMA/Divulgação

Por: Claudio Costa

19/06/2023 - 18:06 - Atualizada em: 19/06/2023 - 18:11

Duas pessoas foram presas durante uma operação da Polícia Militar Ambiental em Itapoá, no Norte de Santa Catarina.

A ação foi deflagrada pela 2ª Companhia do 1º Batalhão de Polícia Militar Ambiental no último sábado (17).

Os policiais militares ambientais deram cumprimento a mandados de busca e apreensão emitidos pelo Judiciário da comarca de Itapoá.

Foto: PMA/Divulgação

Durante a operação, duas pessoas acabaram sendo presas pela posse de arma de fogo e caça ilegal.

Com os detidos foram apreendidos dois animais silvestres abatidos, um deles de espécie que se encontra ameaçada de extinção.

Foto: PMA/Divulgação

Ainda foram lavrados os procedimentos para responsabilização de outros envolvidos com a posse ilegal de arma de fogo e munições apreendidas nos demais endereços onde foram realizadas as buscas.

As equipes da polícia militar ambiental também realizaram patrulhas no interior da mata da região, onde descobriram um rancho aberto, utilizado como ponto de apoio pelos caçadores, construído com árvores nativas.

Foto: PMA/Divulgação

A construção foi prontamente destruída pelos policiais para evitar a perpetuação do cometimento de crimes ambientais na região.

 

Foto: PMA/Divulgação

Ao todo, foram apreendidos:

– 2 espingardas;

– 1 pistola calibre .380;

– 1 espingarda de ar comprimido;

– 251 munições de diversos calibres;

– 168 cápsulas deflagradas de diversos calibres;

– 4 carregadores;

– 1 luneta;

– 1 equipamento de visão noturna;

– 01 mira laser;

– 2 rádios de comunicação;

– 288 espoletas;

– 1 extrator de espoletas;

– 2 soquetes para cartuchos;

– 5 frascos contendo chumbo;

– 3 frascos contendo pólvora;

– 2 animais silvestres abatidos (tatu e macuco);

– 6 apitos pios (utilizados para atrair aves);

– 4 jequis (utilizado para capturar tatus);

– 2 aparelhos celulares;

– 1 Computador;

– 2 caixas contendo documentos referentes a crimes contra administração pública.

Notícias no celular

Whatsapp

Claudio Costa

Jornalista pós-graduado em investigação criminal e psicologia forense e pós-graduando em perícia criminal.