Uma ação conjunta entre a Polícia Civil, a Fundação Municipal do Meio Ambiente de Biguaçu (Famabi) e o Centro Zoonose do município realizou nesta quarta-feira (30) uma fiscalização em razão de denúncia de maus tratos a animais, em Biguaçu. A ação foi por meio da Delegacia de Polícia de Biguaçu.

No local, no bairro Saudade, foi constatado que o tutor dos animais tinha uma espécie de canil clandestino e diversas cachorras com seus filhotes sem a estrutura física e acompanhamento veterinário adequado.

A ação verificou a materialidade do crime de maus tratos, pois além da criação de forma exploratória aos animais, diversos cães estavam com problemas de saúde, como glaucoma. O tutor dos animais responderá a inquérito policial pelo crime de maus tratos, previsto no Art. 32, § 1-A da Lei 9.605/98. Os animais irão para adoção.