Carne apresentava forte odor, cor esverdeada e não possuía identificação | Foto Divulgação
Carne apresentava forte odor, cor esverdeada e não possuía identificação | Foto Divulgação

O Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal de Guaramirim, ligado a Secretaria de Agricultura e Pecuária, apreendeu cerca de 300 quilos de carne apodrecida nesta sexta-feira (11). A carne suína seria entregue em um supermercado da cidade, mas foi barrada pela fiscalização do setor municipal e o produto foi apreendido e descartado no local adequado.

Conforme o inspetor Rogério dos Santos, que realizava a fiscalização, a carne apresentava forte odor, cor esverdeada e não possuía nenhuma identificação. “A empresa que iria realizar a entrega recebeu um termo de orientação e o proprietário do supermercado foi orientado a não receber produto sem as devidas identificações e em perfeito estado de conservação”, afirma.

Ele orienta que a população também deve ficar atenta à forma como a carne é comercializada e em caso de irregularidades, deve denunciar ao setor competente através do 3373-3621 ou 0800 643 1125.

Esclarecimento

Na manhã desta segunda-feira (14), a Prefeitura de Guaramirim emitiu uma nota de esclarecimento:

A Prefeitura de Guaramirim vem por meio desta esclarecer que a carne apreendida durante fiscalização do Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal de Guaramirim, ligado a Secretaria de Agricultura e Pecuária, não tem relação com o Frigorífico Roanna, nome que aparece nas imagens. A caixa apenas foi utilizada para o transporte da carne apreendida e descartada, não sendo produto da empresa.

Quer receber as notícias no WhatsApp?