Uma equipe de profissionais da Fujama (Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente) resgatou um filhote de gambá e aproveitou para promover educação ambiental na manhã de sexta-feira (20). O caso ocorreu na rua Neco Spézia, no bairro Jaraguá Esquerdo.

A Ouvidoria (0800-642-0156) recebeu a ligação da estudante Nayla Martini Peres, oito anos, informando da presença do filhote de gambá em sua residência. Ela aguardava os biólogos da Fujama com o animalzinho dentro de uma caixa de sapatos e muito empolgada e curiosa para saber mais sobre o bicho.

Estudante Nayla Martini Peres, 8 anos, com o animalzinho dentro de uma caixa de sapatos | Foto PMJS/Divulgação

De acordo com o biólogo e chefe de educação ambiental da Fujama, Christian Raboch Lempek, foi a menina que fez o registro junto à Ouvidoria com o apoio da mãe.

Animal recolhido é cuidado na sede da Fujama

Nayla e a amiga Camile Marçal questionaram o biólogo sobre o sexo do filhote. Depois de ser batizada com o nome Luci, a gambazinha foi levada à sede da Fujama onde ficará sob os cuidados da bióloga Fernanda Miranda. Assim que estiver pronto para se virar sozinho na natureza, o animal deve ser solto em uma área afastada de residências.

Na avaliação do biólogo, casos como estes são muito importantes para promover a educação ambiental. Neste caso, desmistificando o conceito que as pessoas têm sobre certos animais, como o gambá, muito importante para a fauna regional.

Quer receber as notícias no WhatsApp?

*Com informações da Prefeitura de Jaraguá do Sul.