Uma fatalidade foi registrada na manhã desta quinta-feira e assolou uma família, moradora de Araranguá, no Sul do Estado, que encontrou, no berço, o pequeno Talis de Medeiros Moraes, de apenas cinco meses, sem vida. Ele completaria seis meses nesta sexta-feira.

A ocorrência foi registrada por volta das 9h40min quando a Polícia Militar foi acionada para se deslocar até a casa da família, no bairro Operária. Lá, os policiais constataram que o bebê estava sem vida, deitado de bruços no berço. As polícias, Civil e Científica, então foram acionadas.

Foto: Portal Agora!

De acordo com a polícia, na casa mora um casal com três filhos pequenos e um homem, de 50 anos, ex-sogro do pai das crianças. Conforme informado à polícia, o bebê estava dormindo no berço, ao lado do colchão do “avô”, e os pais da criança estavam no quarto, localizado no segundo andar do imóvel, com os outros filhos.

Receba noticias direto no seu WhatsApp! Clique Aqui!

Por volta das 3h, o “avô” teria dado mamadeira ao pequeno e o colocado para dormir. Segundo ele, a criança estava bem. Já por volta das 8h, o homem acordou e percebeu que a criança estava sem se mexer, chamando o pai do bebê.

Foi constatado que o menino morreu sufocado. A Polícia Civil investiga a dinâmica do acontecido e o caso será encaminhado à Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso de Araranguá (DPCAMI).

A mulher de 28 anos, o esposo de 27 e o homem de 50 anos foram levados à Central de Plantão Policial de Araranguá para depoimento. O bebê será sepultado nesta sexta, às 10h, em Lauro Müller.

 

 

 

 

 

 

Com informações de Karin Mariana / Portal Agora