Familiares e amigos se despediram, na tarde desta quarta-feira, do casal de amigos, Maria Aparecida Michanoski, de 28 anos, e Leandro Nardi Firmino, de 31 anos, em Joinville e Imaruí, respectivamente.

Eles foram vítimas de afogamento no Rio Imaruí, no município de Imaruí, na tarde de segunda-feira. O filho de Maria, um menino de nove anos, sobreviveu.

Eles estavam em uma embarcação de alumínio a qual, segundo relatos, teria virado e posteriormente afundado ao fazer uma curva. O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta de 17h de segunda.

Quando os bombeiros chegaram ao local, o menino relatou que a embarcação virou durante uma manobra, sendo que as duas vítimas submergiram após alguns minutos tentando alcançar a margem.

De acordo com os bombeiros, o rio possui em torno de 50 metros de largura e seis metros de profundidade, com correnteza fraca.

"Segundo relatos, o menino caiu da embarcação bem próximo a ela e conseguiu se segurar na mesma, alcançando a margem depois de algum tempo. Este indicou o local onde a embarcação virou para a guarnição. No local foram realizadas buscas superficiais com a embarcação inflável do CBMSC", informou a corporação.

Por volta das 17h30min, foi deslocada a viatura de Laguna com dois mergulhadores e mais o Comandante de Área, sendo realizadas buscas subaquáticas das 18h45min até as 20h, sem sucesso.

Durante a madrugada de terça, por volta das 4h, pescadores encontraram o corpo de Maria. As buscas foram retomadas por volta das 6h e a equipe de mergulhadores encontrou o corpo de Leandro por volta das 9h15min.