A Polícia Civil de Santa Catarina cumpriu nesta terça-feira (15) um mandado de prisão e outro de busca e apreensão no bairro Vila Nova, em Blumenau, no âmbito da Operação “Anteros”, deflagrada pela Polícia Civil de São Paulo.

O homem preso é natural da Nigéria e com ele foram apreendidos aparelhos eletrônicos, que acabaram encaminhados para a delegacia responsável pelas investigações, a DEIC de Presidente Prudente (SP).

A operação ocorreu em seis estados, entre eles Santa Catarina. Conhecidos por “romance scammers”, os investigados são especializados em praticar golpes na internet, utilizando perfis falsos.

Os crimes eram cometidos por meio de redes sociais ou aplicativos de namoros virtuais, onde os criminosos enviavam solicitação de amizade a potenciais vítimas, em especial funcionários públicos e idosos, e depois iniciavam as extorsões.

Durante as investigações, a Polícia Civil identificou 437 vítimas que registraram boletim de ocorrência e que tiveram prejuízo superior a R$ 24 milhões. Em todos os estados, contando as subnotificações (quando o crime não é comunicado à autoridade policial), os números superam 2 mil vítimas, com prejuízo estimado em R$ 250 milhões.

A Operação "Anteros" cumpriu 181 mandados de prisão preventiva, 216 mandados de busca e apreensão, e o sequestro de R$ 5 milhões, entre bens móveis e imóveis, além do bloqueio e sequestro bancário de 329 contas.

Receba as notícias do OCP no seu WhatsApp: