Uma menina de um ano e sete meses ficou ferida após ser atacada por um cão em Guaramirim. O dono do animal, o representante comercial Eduardo Martins, acredita que o episódio foi uma fatalidade e disse que está em choque com o ocorrido.

De acordo com Eduardo, o acidente aconteceu na sua residência na rua David Campigoto, no bairro Nova Esperança, na manhã desta segunda (20). A criança foi até lá para pegar um chocolate com a mãe dele.

Quando entrou na casa, ela foi atacada por Thor, um cão da raça border collie de dois anos, na região do rosto. Eduardo conta que o animal é dócil.

Após a mordida, a mãe da menina chamou o Corpo de Bombeiros Voluntários por volta das 9h. A criança foi atendida com ferimentos profundos no rosto. A hemorragia causada pelas lesões foi controlada pelos bombeiros no local.

Após os procedimentos de atendimento pré-hospitalar, a vítima foi levada em estado estável pelos bombeiros voluntários para o Pronto-socorro do Hospital Santo Antônio. Na unidade, a menina recebeu atendimento médico.

“Eu não consegui comer. Estou tremendo até agora e só tenho vontade de chorar. Eu tenho uma sobrinha da mesma idade e fui pegar ela no hospital com dor no coração. Eu só tenho a agradecer a Deus por ela não ter sido ferida no olho”, descreve o representante comercial.

Eduardo afirma que prestou toda a assistência para a criança e destaca que comprou todas as medicações receitadas pelo médico. Um boletim de ocorrência sobre o caso foi registrado pela Polícia Militar.

“A nossa vizinha é tão linda, tão pequena e cheia de vida. Espero que ela não cresça com trauma de cachorros, espero que a mamãe dela nos perdoe como tutores. Não consigo descrever em palavras o quanto eu estou em choque com tudo isso”, lamenta.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança