Uma quadrilha vinda do Rio Grande do Sul foi desmantelada pela Polícia Civil em Jaraguá do Sul.

O grupo usava um supermercado de fachada para aplicar golpes em fornecedores e adquirir produtos para revenda. O prejuízo estimado causado por eles é de R$ 6 milhões.

De acordo com o delegado titular da Delegacia da Comarca de Jaraguá do Sul, Luiz Carlos Gross, o grupo percebeu que a Polícia Civil estava investigando os golpes e conseguiu se desfazer de muitos produtos.

Outros milhares de itens foram apreendidos pelos policiais civis em um mercado em Schroeder.

Com um mandado de busca a apreensão, os policiais civis prenderam um homem e uma mulher envolvidos no golpe nesta quarta-feira (4). Outras quatro pessoas envolvidas nos golpes aplicados nos empresários estão foragidas.

“Pelo volume de denúncias que chegou à delegacia, os agentes do Setor de Investigação começaram a analisar e descobriram que se tratava de uma quadrilha especializada, que já havia aplicado outros golpes em outras cidades”, destaca Gross.

 

 

A quadrilha adquiriu um mercado no bairro Amizade, em Jaraguá do Sul. Com o CNPJ da empresa, os estelionatários realizaram compras de diversos produtos com fornecedores.

O pagamento era feito com cheques sem fundos e os empresários acabavam sem o pagamento.

Os itens adquiridos no golpe eram vendidos em outro mercado aberto pelo grupo no bairro Itoupava-açu, em Schroeder.

O casal estava no local e não conseguiu explicar a origem dos produtos. Eles foram presos e aguardam o julgamento no presídio.

Foto: Polícia Civil/Divulgação

“Nós apuramos na vizinhança que o mercadinho sempre vendia os produtos na promoção. Muitas das mercadorias eram vendidas abaixo do preço de custo. Eles não tinham notas fiscais e também não informaram qual a origem dos produtos”, ressalta o delegado.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):