A Vigilância em Saúde de Florianópolis recebeu denúncia de funcionamento irregular de uma escola na região continental da Capital que, além do funcionamento contrariando o decreto municipal que estava em vigor – a denúncia e a fiscalização aconteceram antes de a Justiça determinar a volta às aulas presenciais na Capital -, estava atuando sem alvará sanitário.

Para piorar, durante a fiscalização sanitária, trabalhadores do educandário esconderam 20 crianças no banheiro para omitir seu funcionamento.

A ação foi feita em conjunto com a Guarda Municipal de Florianópolis (GMF). A escola foi interditada e multada por manter atividades presenciais com crianças, contrariando o decreto.

A multa foi no valor de R$ 2.500. Outra multa será aplicada pela falta de alvará do estabelecimento que vai de R$ 125 a R$ 2.500.

Como denunciar

A população que quiser ajudar, pode denunciar quaisquer irregularidades entrando em contato com o 153 da Guarda Municipal ou realizar uma denúncia no site https://covidometrofloripa.com.br/, na aba "Denúncias Vigilância Sanitária".