A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC), informa que foi decretada a prisão preventiva de um acusado, de 18 anos, pelo crime de homicídio, em Criciúma.

Segundo o delegado André Milanese, ele estava preso temporariamente, desde 20 de agosto, por ter sido um dos autores do homicídio de Saimon Sant'ana Pinto, assassinado a tiros em 26 de julho, no bairro Santo André.

No cumprimento da prisão temporária, em operação conjunta das polícias, Civil e Militar, foram apreendidas duas armas de fogo, uma delas de calibre 32, sendo comprovado, através de perícia de comparação balística, realizada pelo IGP, que tal revólver foi utilizado para matar Saimon.

“O preso, que era uma liderança local de uma facção criminosa, foi denunciado pelos crimes de homicídio qualificado, participação em organização criminosa, corrupção de menores e posse de arma de fogo com numeração suprimida, devendo permanecer preso até ser julgado por júri popular”, informou a autoridade policial.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança