A Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina é a que mais apreende veículos com motoristas embriagados no Brasil.

Com isso, as situações inusitadas acabam acontecendo com mais frequência. Exemplo disso foi uma apreensão que ocorreu na madrugada deste sábado (1).

Em Xanxerê, no oeste catarinense, na BR 282, várias pessoas denunciaram um motorista que transitava entre Chapecó e a cidade de forma perigosa e em velocidade excessiva.

Os policiais aguardaram o veículo na frente da Unidade Operacional da PRF e determinaram sua parada.

Após quase atropelar os policiais o motorista desceu do veículo e, ao ser submetido ao teste de alcoolemia, o resultado foi de 0,66 mg de álcool por litro de ar.

O veículo foi retido no pátio e o motorista, de 60 anos, foi multado e conduzido preso para a Polícia Civil de Xanxerê. Após o pagamento da fiança, o mesmo foi liberado pelos policiais.

Por volta das 4h da manhã, três horas após ter sido preso, o mesmo motorista chegou dirigindo outro veículo para questionar os policiais acerca de sua prisão e dos procedimentos adotados.

Os policiais notaram que ele ainda estava com sinais de embriaguez e realizaram um novo teste de alcoolemia. O resultado foi de 0,48 mg de álcool por litro de ar.

Os policiais retiveram o automóvel no pátio, lavraram uma nova multa e conduziram novamente o motorista preso para a Polícia Civil de Xanxerê.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Telegram