Os suspeitos do assassinato de Thiago Batistella de Lima, de 28 anos, já estão em Jaraguá do Sul. Brian Belarmino e Jusiel de Paula foram presos na terça-feira (21), em Pitanga, no Paraná. Uma equipe da Divisão de Investigação Criminal (DIC) foi até o estado vizinho e retornaram para a cidade nesta sexta-feira (24). De acordo com o delegado Daniel Dias, titular da DIC, Brian e Jusiel confessaram o crime durante o depoimento. “Eles contaram com riqueza de detalhes o crime. Confessaram que apenas os dois participaram do assassinato e não houve planejamento. Brian estava armado com um revólver calibre 32 de Jusiel. Eles encontraram a vítima por acaso e foram tirar satisfação. Os dois disseram que Thiago foi desaforado. Então, Brian sacou a arma, deu o revólver para Jusiel, que estava pilotando a motocicleta, e ele disparou um tiro no rosto de Thiago”, explica Dias. LEIA MAIS:  – Homem leva tiro na cabeça na rua Pastor Albert Schneider  Polícia Civil investiga tentativa de homicídio em Jaraguá do Sul – Homem que levou tiro na cabeça morre no hospital em Jaraguá do Sul  Suspeitos da morte de homem na Barra do Rio Cerro são presos no Paraná
O crime que vitimou Tiago aconteceu na rua Pastor Albert Schneider, no bairro Barra do Rio Cerro. A vítima foi abordada por dois homens em uma moto. Segundo uma testemunha, os três conversaram e um dos ocupantes da motocicleta deu um tiro na cabeça de Lima. Ele foi levado para o Hospital São José pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Após dois dias internado na unidade, Thiago morreu na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).
De acordo com o delegado, os dois homens vão responder por homicídio qualificado e devem ir para o Presídio Regional de Jaraguá do Sul nas próximas horas.