Duas mulheres foram presas após serem flagradas enterrando uma embalagem com cerca de 100 g de crack em um terreno no bairro Progresso, em Criciúma. A prisão ocorreu na tarde desta segunda-feira (12).

A Guarnição Reforçada da Polícia Militar (GR9) já possuía informações de que era recebido uma carga semanal de 100 gramas de crack no bairro Progresso e que geralmente a droga era escondida próximo a uma construção abandonada, onde também há uma área de mata, para dificultar o encontro.

Os policiais então passaram a monitorar o local. Em certo horário foram vistas duas mulheres que moram uma rua abaixo do local, subindo em direção a uma rua sem saída, de frente para o local de mato citado. Ambas cavaram um buraco e enterraram um pacote de plástico branco.

Após tal ato, ambas correram novamente para a rua de baixo, onde moram juntas. Pela forte suspeita de que estavam escondendo a citada carga de droga, os policiais acionaram guarnição do canil do 9º BPM, que prestou apoio e com o uso do cão de faro foi localizada enterrado a embalagem que continha em seu interior 101,2 gramas de crack.

Conforme a PM, as duas mulheres possuem histórico e são conhecidas pelo comércio de drogas na região, sendo ambas já abordadas em outras ocasiões com quantidade semelhante da mesma droga. Uma das abordadas utiliza tornozeleira eletrônica decorrente de processo pelo mesmo crime.

Diante do flagrante delito, já sabendo onde as mesmas residiam, por ser local utilizado para o tráfico de drogas, foi deslocado até a residência onde ambas foram abordadas. Foi dado voz de prisão a ambas.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp