No início desta semana, duas crianças que frequentavam a mesma creche em Criciúma morreram sob suspeita de terem contraído meningite.

 

 

A primeira vítima foi um bebê de 7 meses, que faleceu na segunda-feira (23) com sintomas muito similares aos da meningite bacteriana. No entanto, a confirmação ainda será dada pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-SC), que está avaliando os exames.

Na terça-feira (24), uma criança de 1 ano e 5 meses, que frequentava a mesma creche, também faleceu. A causa ainda está sendo investigada, e o diagnóstico será confirmado pelo Lacen-SC.

A doença

De acordo com a Dive-SC, a meningite é um processo inflamatório das meninges, que pode ser causado por diversos agentes infecciosos, como bactérias, vírus, parasitas e fungos, ou também por processos não infecciosos.

Os sinais e sintomas de meningite podem surgir repentinamente e são febre, dor de cabeça, rigidez ou dor no pescoço, náuseas e vômitos. Manchas vermelhas ou roxas - pequenas ou grandes - na pele podem indicar doença mais grave - meningococcemia.

Mudanças de comportamento como confusão, sonolência e dificuldade para acordar podem, também, ser sintomas importantes. Em recém-nascidos e lactentes, os únicos sinais e sintomas de meningite podem ser febre, irritação, cansaço e falta de apetite.

Conforme o órgão, sempre que alguém apresentar ou observar esses sinais e sintomas, deve procurar assistência médica imediatamente, para que seja dado o diagnóstico e o tratamento inicie o mais rápido possível.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Telegram

Facebook Messenger