Dois homens investigados por um homicídio ocorrido no dia 16 de janeiro de 2018 em Joinville, foram presos pela Polícia Civil, por meio de agentes da Delegacia de Homicídios (DH), na manhã desta quarta-feira (25). Morto com um tiro na cabeça, André Ribeiro Santos, 22 anos, foi abandonado em uma área de mata na Estrada do Saí, no distrito de Pirabeiraba, em Joinville. Segundo a Polícia Civil, "as prisões aconteceram em consequência de investigação realizada pela DH que reuniu provas de autoria e elementos fundamentais para a segregação cautelar dos indiciados. Ambos já haviam sido denunciados pelo Ministério Público após o término da investigação, no entanto a captura dos réus demandou diligências próprias para a localização".
Foto Delegacia de Homicídios/Divulgação
Ainda segundo as investigações da DH, o crime aconteceu em um contexto envolvendo o tráfico de drogas na região, tendo o veículo da vítima sido incendiado logo após o corpo ser deixado na cena do crime. A DH afirmou que contou com informações da comunidade para a completa solução do caso.
Foto Delegacia de Homicídios/Divulgação
Relembre o caso O corpo de André Ribeiro Santos, 22 anos, foi encontrado na manhã de 16 de janeiro na Estrada do Saí, ligação entre as estradas da Ilha e Timbé, no interior de Joinville. Segundo o delegado Elieser Bertinotti, havia uma tesoura e uma faca entre os pertences da vítima. André tinha diversas passagens criminais por furto e seu sepultamento ocorreu no cemitério de Rio Bonito, em Joinville.