Com algumas manifestações exacerbadas após o resultado do primeiro turno das eleições, o delegado Jorge Giraldi realizou uma postagem em suas redes sociais pedindo aqueles - em especial aos nordestinos -, que se sentirem ofendidos ou forem agredidos fisicamente que procurem a Polícia Civil.

Respondendo pela 1ª Delegacia de Polícia Civil de Criciúma, a autoridade policial é conhecida por suas declarações de impacto. Nesta semana, manifestou-se sobre o ataque de um grupo de pseudo-torcedores do Criciúma contra torcedores da Chapecoense como também um caso de injúria racial no estádio, dos quais apura.

“A Polícia Civil não vai permitir que as partidas de futebol em Criciúma virem arenas romanas em que pessoas eram lá jogadas para serem apedrejadas”, pontuou.