Outra triste ocorrência foi registrada na tarde desta segunda-feira na região Sul catarinense. Por volta das 14h50min, a aeronave da Polícia Civil, tripulada pelos policiais do Saer e pelos profissionais da saúde do SaraSul, deslocou a pedido do Samu, em apoio ao ASU do Corpo de Bombeiros, para atendimento na área central de Criciúma, na rua General Lauro Sodre, bairro Comerciário.

A paciente era uma menina, de apenas quatro anos, vítima de parada cardiorrespiratória, com causa ainda não definida.

Ela foi encontrada pelos bombeiros no chão da residência, já com ausência de pulso e movimentos respiratórios, pupilas midriáticas e não reagentes, extremidades frias e cianótica, sendo iniciadas as tentativas de reanimação.

“A equipe do SaraSul chegou ao local aonde realizou as medidas de suporte avançado de vida, juntamente com a equipe do Corpo de Bombeiros, mas apesar de todas as condutas instituídas, a paciente veio a óbito e o Serviço de Verificação de Óbitos foi acionado”, informou o serviço.

Segundo relatos do pai, a criança era portadora de Síndrome de Down.