Após dias de intenso trabalho e investigação, chegou ao fim a procura por Janaína Gomes, de 38 anos, mais conhecida como “Jana”, que desapareceu na noite do dia 30 de junho, na Rua Renato Carbonera, no bairro Polícia Rodoviária, em Araranguá.

No final da manhã do dia 3, os pertences dela, como bolsa, documentos, celular e peças de roupas foram encontrados em meio a uma plantação de eucalipto na ARA-227, próximo ao Restaurante Recanto (somente referência), nas imediações do trevo de acesso às praias.

Já no final da tarde do dia 10, um corpo em estado de decomposição foi encontrado enterrado em uma cova rasa, na localidade de Fundo Grande.

O reconhecimento se deu através de exame papiloscópico.

Janaína saiu de casa dizendo para a mãe que já voltaria, deixando dois filhos pequenos, desaparecendo em seguida.

Assim que comunicada do desaparecimento, a equipe da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Araranguá iniciou a investigação.

Investigação

Conforme o delegado Jair Pereira Duarte, coordenador da DIC, as investigações quanto ao homicídio prosseguem, mas até o momento não há nenhuma informação que leve a autoria e motivação.

O delegado também afirmou que irá aguardar os laudos periciais que apontarão a causa morte.

Fonte: Karin Mariana / Portal Agora

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança