O secretário de Estado da Segurança Pública, César Augusto Grubba, recebeu em audiência na manhã desta quinta-feira (9), uma comitiva de Jaraguá do Sul liderada pelo titular da Agência de Desenvolvimento Regional, Leonel Pradi Floriani, oportunidade em que foi apresentada uma série de demandas para o município. Dentre elas, destaque para obras como o novo Complexo de Segurança de Jaraguá do Sul, a conclusão do quartel da Polícia Militar e a Delegacia da Polícia Civil de Massaranduba, além de reforço no efetivo policial e ampliação do sistema de videomonitoramento. Sobre a obra do complexo, o secretário confirmou que a SSP aguarda apenas a elaboração do edital para posterior abertura de processo de licitação. A partir da assinatura do contrato, a empresa vencedora terá prazo de 18 meses para concluir a obra. Já as obras de Massaranduba foram paralisadas em função da desistência da empresa que venceu a licitação. Ela foi penalizada e um novo edital foi aberto. O Complexo receberá a nova sede da Delegacia Regional de Polícia, o posto do Detran e núcleo do IGP (Instituto Geral de Perícias). O terreno para construção é de propriedade do município e já foi doado para o estado. Os recursos, no total de R$ 4 milhões, são oriundos do Fundo de Melhoria da Segurança Pública e já estão garantidos. Sobre efetivo, o secretário lembrou que Jaraguá do Sul recebeu no final do ano passado reforço com a nomeação dos policiais militares, civis e técnicos criminalísticos. Ele confirmou, também, que com a chamada dos 1084 policiais remanescentes do concurso de 2015 uma nova turma de policiais militares será criada junto ao 14º Batalhão e que, após a formação, permanecerão na região. O secretário também disse que, para o segundo semestre deste ano, há previsão de abertura de concurso público para as carreiras de Escrivão de Polícia, Agentes e Peritos, dependendo da disponibilidade financeira do Estado. Por fim, sobre a ampliação do sistema de videomonitoramento, há uma licitação em aberto para instalação de câmeras em mais 21 cidades. Participaram da audiência o prefeito de Massaranduba, Armindo Sesar Tassi, o delegado regional, Adriano Spolaor; o tenente-coronel Gildo Martins Andrade Filho, comandante do 14º Batalhão da PM; o prefeito de Massaranduba, Armindo Sesar Tassi, e o seu secretário de Planejamento, Fabiano Spezia; o gerente de Obras da SSP, coronel PM Dirceu Antônio Oldra, entre outras autoridades.