Com a continuação do bloqueio da Transpetro, na BR-280, em Guaramirim, o abastecimento de combustíveis na região Norte do Estado continua prejudicado.

Nesta quinta-feira (9), os caminheiros mantêm um ponto de paralisação no quilômetro 46 da rodovia, no bairro Corticeira, na entrada do terminal.

 

 

O terminal de Guaramirim recebe, por sangria, óleo diesel ambiente, gasolina, álcool anidro e hidratado do Opasc (Oleoduto Paraná-Santa Catarina).

O local armazena os produtos para o abastecimento da região Norte do Estado.

Filas estão sendo registradas nos postos de combustíveis desde o início da tarde desta quarta-feira (8).

Em diversas cidades da região já há registros da falta de combustível nas bombas.

Com os bloqueios, os caminhões-tanque não realizaram a distribuição do combustível nos postos e há desabastecimento nas cidades da região.

A Polícia Rodoviária Federal está no local monitorando a situação da rodovia. A passagem de veículos de passeio está liberada no local.

Os manifestantes pedem a destituição dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) e o voto impresso auditável.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre segurança pública da região (acidentes de trânsito, ações policiais):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança