O final da tarde do último domingo (3), ficou marcado por um acidente de grandes proporções, que tirou a vida de pelo menos quatro pessoas na BR-277 no Paraná (Rodovia próxima a Joinville e Itapóa).  Um caminhão-tanque carregado de combustível perdeu os freios e tombou no quilômetro 33 da BR-277, perto de Morretes. Com o impacto, a carga explodiu e, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), 12 veículos foram envolvidos – alguns atingidos pelas chamas. O acidente ocorreu por volta das 18h30 de domingo (3). O motorista do caminhão, um homem de 43 anos, foi autuado na manhã de hoje, por homicídio com dolo eventual. De acordo com a polícia, o painel do veículo tinha alertado que o freio estava falhando e mesmo assim ele assumiu o risco continuando a conduzir o caminhão. Em depoimento, o condutor do veículo confirmou que o painel emitiu alertas de falhas no freio. Ele está preso na Delegacia de Morretes e não há previsão para ele ser liberado.     Até o último domingo existia a confirmação de três mortes, porém, na manhã desta segunda-feira, um corpo carbonizado foi encontrado em uma galeria, próximo do local da batida. Um bebê, segundo a polícia, foi encontrado com vida no meio do mato próximo a um veículo com duas pessoas que morreram carbonizadas. Ainda não se sabe como ele foi parar lá. Os outros mortos são um homem de 43 anos, uma mulher de 35 anos e um garoto de 12 anos. O acidente deixou mais de dez pessoas machucadas que foram  encaminhadas para atendimento em hospital de Paranaguá.   https://www.youtube.com/watch?v=zL0utoKWSb0