Cinco dias após fazer a limpeza de um terreno baldio na rua Antônio Ribeiro, no bairro Ilha da Figueira, a Defesa Civil de Jaraguá do Sul recebeu novamente denúncia anônima sobre depósito de entulho no local. De acordo com Hideraldo Colle, diretor de Defesa Civil, foram encontrados restos de materiais de construção, estofados, colchão, máquina de lavar roupa, roda de bicicleta e o pior: um cachorro morto. O animal sem raça definida levou pauladas na cabeça, pois estava com ferimentos e sangramentos nessa região. Segundo Hideraldo, o caso ainda está sendo verificado com a Fujama (Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente).  Uma equipe da Secretaria de Obras e Serviços Públicos deverá fazer o recolhimento dos entulhos até a tarde desta terça-feira. https://www.youtube.com/watch?v=3LqueUqLE5w Na quarta-feira da semana passada, restos de construção, latas de tintas, podas de árvores, móveis velhos e outros entulhos foram localizados no mesmo local. Um morador contou à Defesa Civil que, na manhã de sábado, moradores já estavam jogando entulho no terreno onde foi realizada a limpeza. A penalidade para quem for flagrado jogando lixo em áreas como esta é uma multa de R$ 8 mil a R$ 100 mil, de acordo com a Secretaria de Planejamento e Urbanismo. Ainda pode haver agravante caso o lixo tenha sido depositado em área de preservação, o que pode caracterizar crime ambiental.